DICA PREVIDENCIÁRIA

A aposentadoria para autônomos não é uma tarefa simples de ser planejada, por isso é importante contratar um profissional especialista em Direito Previdenciário para fazer o seu PLANEJAMENTO PREVIDENCIÁRIO. 

Se você é um profissional que trabalha por conta própria, provavelmente a sua capacidade laboral é a sua maior garantia e, hoje, você assume seus próprios riscos. 

 

No entanto, é importante ter sempre em mente que o tempo passa, e a velhice chega para todos. Quanto mais cedo você começar a se organizar para se aposentar, melhor. 

Pode parecer distante, mas, se você pretende se aposentar com tranquilidade, sem preocupações financeiras, planeje-se enquanto a sua força produtiva está a todo vapor.

Dúvidas que surgem quando o profissional autônomo pensa em aposentadoria:

1. quem é considerado autônomo?

- Qualquer pessoa que trabalha e não é celetista. 

- Contribuinte individual ou MEI. (Mas cuidado, a cobertura é diferente de um para outro).

2. Como posso começar a me planejar?

- Contrate um advogado para fazer o Planejamento. 

- Inscreva-se como contribuinte individual no Programa de Integração Social. 

- Escolher as formas de contribuição. Código 1007 ou Código 1163. *consulte um profissional para entender qual é a melhor opção para você. 

- Registrar mensalmente a GPS no SAL (Reita Federal). * consulte um profissional. 

- Averiguar se existem contribuições retroativas. 

- Cadastre-se no sistema da Previdência Social. * consulte um profissional. 

3. Tipos de aposentadorias que podem ser requeridas?

- Aposentadoria por tempo de contribuição (em alguns casos, não em todos). 

- Aposentadoria por idade. 

- Aposentadoria especial em casos de atividade especial. *consulte um profissional. 

- Profissionais da mineração subterrânea possuem redução de tempo. * consulte profissional para saber como comprovar a atividade.

Confira também:

APOSENTADORIA ESPECIAL DO VIGILANTE

COVID - 19 DOENÇA DO TRABALHO

DICA PREVIDENCIÁRIA